quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

A Violência Através de Assaltos se Espalha em Marapanim

Resultado de imagem para vivendo no interior
Foto Internet
Aquele tempo que eu vinha da Barraca, da casa da minha namorada feliz, após às 22hs, quando a luz apagava, o único medo era do "fogo fátuo", do fantasma que crescia na Praça das Vitórias e do Soca-Soca. Eu morava lá na frente, na casa do vovô Juca carvalho.
Atualmente, não tenho coragem de andar à noite pelas ruas de Marapanim, mesmo de carro. Algo precisa se feito com urgência.

Joaquim Esteves Carvalho

Crie seu site

Loja virtual completa e barata

O Marudá Ofertou

Publicidade: 1

Arquivo de postagens do site