Pesquise aqui os produtos mais baratos da internet. O Marudá Ofertou

quarta-feira, 9 de agosto de 2017

Equipes trabalham para resgatar rebocador no Rio Amazonas

Foto: WhatsApp/ORM


PARÁ - Nove pessoas continuam desaparecidas. Acidente completa uma semana.

Uma empresa contratada pela Bertolini, proprietária do rebocador, que afundou ao ser atingido por um navio na madrugada de quarta-feira (2) deve fazer o resgata da embarcação do fundo do Rio Amazonas, perto de Óbidos, oeste paraense. Um plano de retirada dever ser apresentado à Marinha do Brasil nos próximos dias. Nesta quarta-feira (9) o acidente completa uma semana. A embarcação está a uma profundidade de 65 metros e a cerca de 15 quilômetros do local do naufrágio. Os sete tripulantes e dois passageiros do empurrador continuam desaparecidos.

De acordo com o comando de Operações do Corpo de Bombeiros, a suspeita é que os corpos possam estar presos nos compartimentos do rebocador, pois a informação da empresa é de que estavam dormindo. A operação conta com o auxílio de uma corda de 300 metros, a qual será conectada a dois barcos. 

No empurrador havia 11 pessoas, sendo que duas foram resgatadas horas após o acidente. Sete tripulantes e dois passageiros estão entre os desaparecidos. De acordo com a Capitania dos Portos, o empurrador seguia no sentido oposto quanto colidiu com o navio, por volta de 4h30 de quarta-feira. O navio vinha do Estado de Rondônia. O acidente ocorreu no Rio Amazonas, a dez milhas da foz do Rio Trombetas. 

As balsas que estavam à deriva já foram recolhidas por um outro empurrador da empresa Bertolini. Quanto ao Navio Mercante “Mercosul Santos”, permanece no local e serão adotados procedimentos a fim de verificar suas condições para navegação. As empresas envolvidas no acidente ainda não se pronunciaram. A Marinha do Brasil informou que vai abrir inquérito para apurar as causas do choque. O Grupamento Fluvial do Estado também abriu inquérito para investigar as causas do acidente. Algumas pessoas já foram ouvidas.

Veja lista de tripulantes desaparecidos no naufrágio:


Carlos Eduardo Bueno de Souza

César Lemos da Silva

Cleber Rodrigues Azevedo

Dárcio Vânio RegoDick

Farney de Oliveira

Euclinger da Silva Costa

Ivan Furtado da Gama

Juraci dos Santos Brito

Por ORM



O Marudá Ofertou

Publicidade: Sua marca aqui! 728 x 90

Publicidade: Sua marca aqui! 728 x 90

Publicidade: 1

Arquivo de postagens do site