Pesquise aqui os produtos mais baratos da internet. O Marudá Ofertou

segunda-feira, 18 de dezembro de 2017

Relojoaria é assaltada pela segunda vez em menos de três meses no centro de Paraíso TO

A imagem pode conter: área interna
Foto Facebook

Relojoaria é assaltada pela segunda vez em menos de três meses no centro de Paraíso TO

Às 08h16 da manhã desta segunda-feira, 18, câmeras de monitoramento de uma relojoaria, localizada na Avenida Bernardo Sayão, centro de Paraíso do Tocantins, flagraram a ação de quatro assaltantes, desde a sua chegada ao anúncio do assalto e roubo no estabelecimento comercial.

Um assaltante, de cara limpa, entrou e anunciou o assalto a uma atendente que limpava o piso da relojoaria. Em seguida os outros três foram entrando alternadamente em espaços de minutos entre um e outro. O segundo entrou com um objeto aparentando uma espécie de máscara no rosto e os outros dois com com capacetes na cabeça.

Além de vários relógios os assaltantes ainda levaram os celulares dos proprietários da relojoaria e o de uma cliente que acabava de entrar no local. Um dos donos que não estava no momento do assalto, não soube precisar quantos objetos foram roubados.

Muito revoltado com a situação de insegurança que ocorre na cidade, o proprietário ficou por mais de uma hora desabafando para os policiais, alegando que no dia 29 de setembro, a relojoaria foi assaltada pela primeira vez nos mesmos moldes desse assalto e si quer conseguiu a restituição dos relógios do primeiro roubo e agora se via na mesma situação constrangedora pela qual passava com sua esposa, tanto neste como no primeiro assalto.

A Polícia Militar teve acesso ao vídeo da loja e repassou imediatamente para as viaturas em ronda pela cidade. Preocupado com a situação, o próprio comandante do 8º BPM, capitão Douglas Luiz da Silva e o capitão Fernando, coordenador da Polícia Comunitária estiveram pessoalmente no local do crime e ouviram atentamente o proprietário.
As autoridades competentes estão investigando o caso. Para a Polícia, restou informar que em 2018, câmeras serão instaladas nos principais pontos comerciais da cidade, com uma central de monitoramento dentro do próprio 8º Batalhão da Polícia Militar, além de expandir os serviços prestados pelos colabores da Polícia Comunitária, na informação de qualquer ação suspeita que ocorra.

Durante a explanação da vítima do roubo, o que mais ele cobrou do Poder Público Municipal foi a instalação do sistema de monitoramento nas principais ruas e avenidas da cidade e do Poder Público Estadual o aumento do contingente policial e mais viaturas para poder cobrir com segurança toda a cidade de Paraíso do Tocantins.

Texto surgiu



O Marudá Ofertou

Publicidade: Sua marca aqui! 728 x 90

Publicidade: Sua marca aqui! 728 x 90

Publicidade: 1

Arquivo de postagens do site